Havaianas

Acompanhei muito de leve(porque tenho zero paciência) um barraco que rolou sobre um post sobre havaianas no blog Toda De Branco. e aí resolvi falar sobre essa questão. (É gente, eu acompanho blogs de casamento e leio os bafões que rolam)

Nunca fui fã de “tá na moda” ou “tem que fazer” e embora meu pezito não aguente salto por muito tempo (eu tenho 1,70 e calço 35, o pé não suporta gente)por vários motivos decidi não dar havaianas no casamento. Primeiro porque justamente porque “ficou na moda” durante muito tempo “datou” eu quero fazer coisas diferentes, havaianas todo mundo sempre deu, então quero pensar em outra coisa(que já pensei). Segundo porque eu tô tentando cortar gastos necessários e eu considero havaianas um deles.

Outra coisa, também concordo que existem vários modelos de havaianas de casamentos medonhos que os convidados realmente não tem coragem de usar depois, mas eu Estamira que sempre fui sempre guardei os dos casamentos que eu fui(também sempre tive a sorte de ter amigas com bom gosto). Casamento das minhas amigas, eu considero o esforço delas, me faz lembrar o momento especial, eu me apego não tem jeito, ascendente em capricórnio me faz ser muito tralhenta. E outra, eu uso sim… uso na piscina no prédio, uso na praia da minha casa que é zero pop, enfim. A questão não é essa.

Porém por mais que eu já tenha ouvido: “como assim não vai ter?” “Havaianas é garantia de pista cheia”. Eu não vou colocar. Quero as pessoas lindas até o final mas se alguém não conseguir fica a vontade, tira o sapato… Eu não vou julgar. Ou então aproveita que eu avisei e leva uma sapatilha, eu já falei que penso em colocar uma depois da cerimônia.